Musculação 16Fev

10 Mitos sobre a musculação


Existem muitas crenças sobre a musculação que não passam meramente de mitos populares e necessitam de ser urgentemente desmitificados. Atualmente, são muitos os praticantes que deixam de fazer exercícios ou até o fazem, mas de forma incorreta, devido a velhos tabus. Conhece os 10 mitos mais comuns sobre a musculação, que te podem ajudar a adotar comportamentos mais responsáveis e a otimizar a hipertrofia muscular.
 

10 Mitos sobre a musculação


1. Crianças e adolescentes não devem treinar musculação



Um dos grandes mitos sobre a musculação é a impossibilidade de crianças e adolescentes realizarem a prática da musculação. No entanto, um treino bem prescrito ajuda e muito no desenvolvimento das crianças e adolescentes. O importante é inserir corretamente as intensidades, pesos, pausas entre séries, velocidade de execução, entre outros aspetos. 
 

2. Idosos não devem praticar musculação



A musculação é um forte aliado no combate a diversas doenças. Se bem prescrito, um treino de força é muito benéfico para idosos, pois o aumento da massa muscular e da massa óssea irá melhorar o equilíbrio, a força e a autonomia para tarefas diárias.


3. As grávidas não podem praticar treinos de força



Esforço físico deve ser relativo e coerente com objetivos e condições de cada indivíduo. Logicamente, as grávidas devem possuir acompanhamentos médicos e nutricionais.
 

4. Os treinos de musculação não ajudam a emagrecer



Se achas que só é possível emagrecer através de exercícios aeróbicos, estás completamente enganado. Na verdade, os exercícios de musculação são grandes aliados na perda de peso. O mais eficaz é incluir alguns dias de musculação entre os teus treinos de bicicleta, corrida ou natação.
 

5. Alongamento antes do treino



Apesar do que muitas pessoas possam acreditar, não há estudos feitos que mostram que o alongamento antes de um treino ajuda a diminuir as lesões. Por outro lado, há pesquisas que mostram que fazer alongamentos depois do treino ajuda a diminuir as dores pós treino e ajuda a evita lesões.


6. "Quanto mais treinar, mais resultados vou ter".



Treinar musculação todos os dias, se estiver realmente a aplicar a intensidade adequada, irá levar a um severo excesso de treino. Quando se treina os músculos com demasiada frequência, não lhes dando tempo suficiente para que recuperem, o resultado final é crescimento zero e pode ocorrer perda de força e massa muscular.
 

7. Quanto mais tempo durar o treino, melhor!



Não é necessário treinar por um período maior que 1 hora para obter bons resultados em hipertrofia muscular. O importante é adequar toda a parte nutricional para potencializar a hipertrofia, dormir no mínimo de sete a oito horas por dia para uma maior recuperação e libertação hormonal e treinar intensamente.
 

8. “Se não sinto dores no dia seguinte, o treino não foi eficaz".


A famosa dor após o treino é uma reposta do corpo causada pela inflamação dos músculos que pode simplesmente parar de acontecer quando o corpo se habitua. Portanto, nem de longe, a dor é um marco confiável de progresso.


9. Construir músculo e perder gordura ao mesmo tempo é impossível



O indivíduo pode perder gordura e construir músculo ao mesmo tempo, ao comer da forma correta e treinar de forma intensa é possível conquistar ambos os objetivos.


10. “Se parar de treinar, os músculos adquiridos vão tornar-se gordura em pouco tempo.”



Músculo não vira gordura, mas tu podes perdê-los e ganhar gordura, isso é um fato. Por isso, a alimentação e a disciplina no treino é o segredo de quem quer manter uma boa forma física. 
 
 



 

PUB

Sugestões Prozis